Lei Seca

Desde que eu cheguei no Brasil, alguns dias depois de ter entrado em vigor a famosa lei seca. As pessoas adoram me questionar sobre o meu parecer com relação a tal lei.

Não, não tem nada a ver com o fato de eu ser advogada ou coisa que o valha. Querem saber minha opinão porque afinal de contas eu voltei da França (terra onde se bebe vinho religiosamente com as refeições) e estou de férias. A combinação desses dois fatores seriam segundo meus interlocutores deixaram transparecer motivos suficientes para eu achar a lei um absurdo. Ora, se voltei da França, logo estou acostumada a beber. Ora, se eu estou de férias eu quero me divertir, logo encher a cara.

Sem entrar no mérito dos aspectos positivos e negativos da Lei. Eu acho engraçado é essas assunções que as pessoas fazem de que se divertir é igual a beber. E no caso ainda ir dirigindo para casa.

A idéia de associar bebida como diversão, ou como único fator de diversão me é estranha. Sério que os bares com a lei seca estão vazios, quase indo a bancarrota? Eu, ingenuamente, achava que as pessoa saiam para desfrutar da companhia dos amigos, para bater um papo ou até mesmo para conhecer uma pessoa legal. Essa era a minha idéia de diversão. Bom, é possível que eu seja antiquada mesmo.

Talvez eu devesse desistir de contar aos insistentes inquisidores a minha opinião e afirmasse apenas que estou sem carro durantes as férias. Faria mais sentido para eles.

Cet article a été publié dans Brésil. Ajoutez ce permalien à vos favoris.

Laisser un commentaire

Entrez vos coordonnées ci-dessous ou cliquez sur une icône pour vous connecter:

Logo WordPress.com

Vous commentez à l'aide de votre compte WordPress.com. Déconnexion /  Changer )

Photo Google+

Vous commentez à l'aide de votre compte Google+. Déconnexion /  Changer )

Image Twitter

Vous commentez à l'aide de votre compte Twitter. Déconnexion /  Changer )

Photo Facebook

Vous commentez à l'aide de votre compte Facebook. Déconnexion /  Changer )

Connexion à %s